[Critica] TEATRO VIVO!

Confira a linda critica de um fã do teatro que se surpreendeu ao ver Inverno da Luz Vermelha. Edson Bueno contou em seu blog “A Eternidade e um dia” como foi a experiência de assistir Marjorie brilhar no palco.

Segue abaixo uma linda critica de um fã do teatro que se surpreendeu ao ver Inverno da Luz Vermelha. Edson Bueno contou em seu blog “A Eternidade e um dia” como foi a experiência de assistir Marjorie brilhar no palco.

Hoje, no Guairinha, assisti “Inverno da Luz Vermelha”. A peça é excepcional, mas aconteceu uma coisa ainda mais emocionante que ela. Ao final, o público aplaudindo em pé, os três excelentes atores vêm à boca de cena receber os aplausos. E Marjorie Estiano estava visivelmente emocionada. Penso eu que alguma coisa parecida com o que escrevo deve ter passado em sua mente. Voltava à sua cidade, fazendo a melhor arte, num espetáculo irrepreensível e dando uma performance arrebatadora e mais ainda, esbanjando sedução. E o público devolvia em aplausos a beleza que recebera. Este espetáculo de Monique Gardenberg é daqueles que me fazem sair do teatro com vontade de comemorar e, se fosse possível, me embebedar. E digo por quê. Porque normalmente tenho a sensação de que sou um mal humorado, que por conhecer muito do metier, adivinho os caminhos pelos quais os diretores levam suas peças e um tédio mortal toma conta da minha alma. Com quinze minutos de espetáculo tenho vontade de sair. E quando vejo um trabalho tão completo, técnica e artisticamente, como “Inverno da Luz Vermelha” e fico hipnotizado, seduzido, em toda a sua extensão; percebo o quanto adoro teatro. O quanto ainda consigo me surpreender e o quanto ainda tenho que aprender sobre narrativas, tempos e ritmo. Nem é o caso de falar do conteúdo, da modernidade e da cena contemporânea. É um tipo de dramaturgia que sob uma direção segura e atores afinados, nunca envelhece. Parece teatro clássico com sua quarta parede e criação de personagens, além de uma história com começo meio e fim, não convencionais, mas ainda assim exatos; mas que esconde nas entrelinhas, que se vão escancarando cena a cena, uma profunda reflexão sobre nossos tempos e também sobre a nossa arte, o teatro. Tenho paixão por atores e Andre Frateschi, Rafael Primot e Marjorie Estiano são perfeitos. Não deixam escapar um segundo de intensidade. Com domínio excepcional da cena, controlam tempo, emoção, silêncios e palavras, como mestres. E são tão jovens. Mas destemidos, entregam-se ao teatro e usam e abusam de todo tipo de expressão. Do maior naturalismo até a composição mais completa. Deitam e rolam preenchendo todos os espaços psicológicos com drama e comédia num equilíbrio tão delicado quanto justo. E Monique Gardenberg dá uma lição de inteligência cênica. Sabe das coisas. Na volta, conversando com o Abner, falava das opções de direção. Normalmente um diretor faz o que gosta de ver. Quem gosta de beleza, busca fazer coisas belas. Monique Gardenberg é dessas. Seu espetáculo é absolutamente belo em sua feiúra e em sua expressão dolorosa da vida. Não economiza, é generoso para com o público e em tudo reflete talento e profissionalismo no mais alto grau. Tinha nas mãos uma dramaturgia de inteligência e apuro e soube dar forma a ela com artesanato sofisticado. Grande noite de teatro proporcionou o Guairinha e o Festival de Curitiba nesta noite de quarta-feira. “Inverno da Luz Vermelha” é daqueles espetáculos que inspiram, dão comichão e vontade de nunca parar de fazer e ver teatro. É teatro vivíssimo! E caso à parte, foi maravilhoso conferir o talento e a entrega dessa atriz iluminada que é a Marjorie Estiano. Foi lindo vê-la interpretar, lindo vê-la emocionar-se e lindo vê-la, talentosa e gostosa, em um espetáculo de tanta qualidade!

#Fonte: efranbueno.blog.uol.com.br

08/04/2011 - Por Jéssica às 23:31 em EspecialInverno da Luz VermelhaNotíciasTeatro comente!
Veja Mais cats

Gilberto Gil fará participação no novo CD da Marjorie

O lançamento do CD está previsto para o final de maio.

thumb-mj

Fan Page oficial da Marjorie no Facebook atinge 1 milhão de seguidores.

Fan Page oficial da Marjorie no Facebook atinge 1 milhão de seguidores.

rafael_primot_e_marjorie_estiano_-_foto_ana_colla_1

Marjorie Estiano prestigia Rafael Primot no teatro

A peça “Uma Vida Boa”, tem texto de Rafael Primot e direção de Diogo Liberano.